A cidade de Pedregulho registra saldo positivo em todos os meses já apurados pelo Ministério do Trabalho através do CAGED – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, referente ao período de janeiro a abril de 2018.

Com 1.540 estabelecimentos que atuam com registro em carteira de seus trabalhadores, a cidade contava, em janeiro passado, com 3.276 trabalhadores registrados.

Quanto ao saldo de emprego (comparação entre admitidos e demitidos), ele é positivo, com 170 vagas com carteira assinada de janeiro a abril.

O melhor mês foi janeiro, com saldo positivo de 40 empregos (105 contratados e 65 demitidos).

Em fevereiro foram criadas 18 vagas a mais (99 admitidos e 81 demitidos).

No mês de março Pedregulho fechou com saldo também positivo de 31 vagas a mais (134 contratados, 103 demitidos).

Segundo o Caged, no último mês pesquisado (abril), as empresas pedregulhenses proporcionaram o maior saldo de criação de vagas em 2018: foram 81 empregos com carteira assinada a mais (140 admissões e 59 desligamentos).

 AGROPECUÁRIA E INDÚSTRIA PUXAM

Os setores de Agropecuária (78 contratações) e Indústria (61 admissões) lideram a geração de emprego em Pedregulho, segundo o Ministério do Trabalho.

Mas os demais setores contribuem de forma bastante positiva: Serviços geraram 18 vagas, Construção Civil 12 e o Comércio mais 5 empregos novos. O setor negativo foi apenas a Administração Pública, com menos 4 vagas.