O governo de Pedregulho vai instalar mais uma unidade da ESF – Estratégia Saúde da Família -, desta vez para atender as regiões do Centro e Bairro Santa Cruz, em prédio que está sendo alugado na Rua Nicolau Peliciari, 36 (proximidades do Santander e do Ministério Público).

O plano de instalação teve mais uma etapa vencida na quinta-feira (19/04) quando foi aprovado o Projeto de Lei nº 16/2018, de autoria do Prefeito Dirceu Polo Filho – Dirceuzinho – que tramitou pela Câmara de Vereadores e teve decisão favorável unânime.

Com a instalação da ESF Central, haverá expansão do atendimento médico para a população do Bairro Santa Cruz que vinha sendo atendida pelo PSF Santa Luzia e do Bairro Morada do Sol, bastante distantes daquela comunidade.

Os procedimentos passam agora pela fase burocrática da locação do imóvel (foto), para em seguida ser montada a equipe que atenderá naquela base.

O QUE É A ESF

Por sua regulamentação, a Estratégia Saúde da Família (ESF) é composta por equipe multiprofissional que possui, no mínimo, médico generalista ou especialista em saúde da família ou médico de família e comunidade, enfermeiro generalista ou especialista em saúde da família, auxiliar ou técnico de enfermagem e agentes comunitários de saúde (ACS).

Também há equipe de Saúde Bucal, composta por cirurgião-dentista generalista ou especialista em saúde da família, auxiliar e/ou técnico em Saúde Bucal.

O programa busca promover a qualidade de vida da população brasileira e intervir nos fatores que colocam a saúde em risco, como falta de atividade física, má alimentação, uso de tabaco, dentre outros. Com atenção integral, equânime e contínua, a ESF se fortalece como a porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS).

A proximidade da equipe de saúde com o usuário permite que se conheça a pessoa, a família e a vizinhança.

Isso garante uma maior adesão do usuário aos tratamentos e às intervenções propostas pela equipe de saúde.

O resultado é mais problemas de saúde resolvidos na Atenção Básica, sem a necessidade de intervenção de média e alta complexidade em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h) ou hospital.

A Equipe de Saúde da Família está ligada à Unidade Básica de Saúde (UBS) local. Esse nível de atenção resolve 80% dos problemas de saúde da população.

Entretanto, se a pessoa precisar de um cuidado mais avançado, a ESF faz este encaminhamento.